"A simplicidade é o último degrau da sabedoria." Gibran



segunda-feira, 30 de março de 2009

Desafio da Théa

Bem, este desafio eu recebi da Théa ( flor, obrigada pela lembrança):

Aí vão as regras:
1 - Vá à sua pasta de fotos no computador;
2 – Vá ao sexto arquivo de fotos, procure a sexta foto;
3 – Coloque essa foto no blog e escreva alguma coisa sobre ela;
4 – Convide 6 amigas para participar e publicarem suas fotos.

Esta é a sexta foto que tenho nos meu sexto arquivo de imagens:


O comentário sobre ela:

Essa aí é a Mariana, minha filhota, no dia em que nasceu. Como todo o nascimento, cercado de ansiedade para ver se ela tinha mesmo cinco dedos em cada mão ( e mesmo que não tivesse, seria amada do mesmo jeito...rsss) e também pelo fato de que foi uma gravidez looonga. Não, ela não durou nove meses, durou bem uns 25 ou 27 meses, tamanha minha ansiedade e nervosismo...rsss.

Fora isso, naquele dia ( na verdade era noite) era uma noite especial porque viria a Bagé o General Albuquerque, comandante do Exército, que seria algo como o Ministro do Exército caso esse cargo ainda existisse. Mas esse era o grau de importância do homem e do evento em questão.

Juro por Deus que a vontade que eu tinha era de mandar tudo às favas e ir correndo conheceer minha filha. Cheguei a fazer isso, mas liguei antes para o hospital e eu não poderia ficar com ela naquele momento, então fui ao tal jantar. Comi as unhas, o pé da mesa e fui a primeira pessoa a sair do jantar, com uma boa desculpa: " Dá licença senhor, mas preciso correr para o hospital, porque minha filha acaba de nascer e eu preciso desesperadamente conhecê-la" . Rsssss

Quem escutou essa frase não teve tempo de raciocinar e deixei por conta das amigas explicarem exatamente o que estava acontecendo.

( papai conhecendo Mari)

( mamãe conhecendo Mari - nem contei os dedinhos!)

( Mari chegando em casa)

( Mari hoje, colorindo meus dias)

Não vou repassar de forma específica, o desafio. Ofereço a todos que visitam o blog.

E para qum ainda não conhece minha história, leia aqui.

Beijocas!

21 comentários:

Laura disse...

Quanta emoção! Parabéns. Ela é linda!

HAZEL disse...

Oh meu Deus... que emoção.
Lindo...
Adorei, Talma.

Beijos e uma boa semana

Sandra... disse...

Qué lindo Talma♥♥
Es verdad que las mamás siempre contamos los deditos (como bien decís, aunque tuvieran 4 o 6, los amaríamos igual!!)
Tenés una hermosa familia amiga, un beso y buena semana♥

PATRÍCIA disse...

Oi Talma!
É linda sua filha!!!! Aliás, sua família é linda! Emocionante sua história da adoção.
Bjos

Isabel Cristina disse...

Oi Talma, me emociono muito com esta sua história. Temos algo em comum né? Muito fofa a Mariana, realmente uma luz na sua vida! Beijos

Ozenilda Amorim disse...

Talma,
Apesar de sua história ser triste, ela é muito linda, assim como a sua filhota. Parabéns pelo coração aberto e dedicado que você tem.
Beijo.
;)

Théa disse...

Que delicia, Talminha, sem querer fiz vc contar um pouco mais da sua emocionante história de vida. Tou apaixonada por sua familia. BJKS MIL

gamela presentes disse...

Querida, mais uma vez você levou-me às lágrimas.Desta vez foi de felicidades.Um beijo enorme pra esta linda família.
Fátima

Amábile - Mãe de dois disse...

chorei um rio AO LER SUA HISTORIA, QUE DEUS ABENÇOE SUA FILHOTA
BJ

Rita de Cassia disse...

Talma querida, lí novamente um pedaço da história que guardo bem no meio do meu coração e que me dá força. Lembro sempre de tua luta quando alguma coisa me aflige, lembro de tua luta com o leão...
Te admiro muito
bj

Ah! Já ia esquecendo a Mari é linda com essas sobrancelhas.
bj

Flávia disse...

Querida,
não sabia de sua história inteira.
Cada vez mais te admiro.
Um beijo no coração e no céu!

Wlady disse...

Talma,
Sua filha é linda! O sorriso demonstra a vida feliz que leva! Parabéns! Também tenho uma Mariana (já adolescente)!
Agora, quando li sua história fiquei pensando em você e em seu marido por vários dias, meu Deus ..... Contei para o meu marido, que também chorou. Levei um chacoalhão e vi que precisamos ser fortes!
Eu não lido bem com a morte e um dia conversando com meu sogro, pessoa de muita fé, ele me disse que quando vamos a um jardim colher flores para levar para casa escolhemos sempre primeiro as mais especiais, bonitas e perfumadas, e assim é Deus!
Que Deus continue lhe proporcionando muita força, esperança, dedicação e tranquilidade para o seu coração!
Um grande abraço!

Ruby disse...

Talma querida, não conhecia sua história, me arrepiei, chorei, tentando imaginar 1/10 da sua dor.
Você é maravilhosa sabia? Sou sua fã mesmo. Gostei de saber que o Lucas é brasiliense como eu e fiquei encantada com a sua princesinha, muito fofa. Bjo bjo.

Margaret disse...

Essa Mari sempre foi tainha neh? desde que nasceu...
ela ta melhor?
e vc? caiu de vez na virose ou ta se recuperando?
beijocas e nao some...

Kyria disse...

Gracinha os seus filhos. Foi necessário e bom este reencontro familar.
Talma fiz um post hoje, dia 30 e gostaria que você lesse. Vai me visitar ok? Bjs

Santinha disse...

Ah Talma que coisa mais linda! Conseguistes arrancar as lágrimas que há tanto tempo não me vinha.

Quero que saiba que eu rezo para você, e para sua família.
Hoje, se tem alguma coisa me consome e me envelhece é que a roda furiosa da vida não me permite ter sempre ao meu lado, andando comigo, falando comigo, vivendo comigo, todos os meus amigos, e, principalmente os que só desconfiam ou talvez nunca vão saber que são meus amigos!
“A gente não faz amigos, reconhece-os.”
Parabéns por mais esse aniversário!
Um beijo no seu coração da amiga
Yvone Pereira

gamela presentes disse...

Querida, parabéns pelo seu dia!
Muita saúde, alegrias mil para você e todos os entes queridos.
Um beijo enorme neste lindo coração.
Fátima.

Kyria disse...

Talma, eu também bem sei o quê é ter um filho adotado, sou mãe de um tesouro que chegou até nós com 24 horas de vida, e como é amado desde o primeiro instante! Ele foi muito esperado, muito desejado e é muito nosso, veio completar a nossa família que estava com um enorme buraco, faltava ele. Agradeço a Jesus por ter nos dado a oportunidade deste reencontro. Meu coração dói quando penso que ele poderá sofrer com o preconceito pois a sociedade é cruel e nem sempre estaremos por perto. Meu filho biológico, mais velho nem lembra do fato de que o irmão não saiu da minha barriga. Graças aos Céus sentimos por nossos filhos uma continuação de afinidades e amores antigos. Parabéns por você ser tão vencedora, você merece tudo de bom e é um prazer compartilhar estas palavras com você.Beijos e até mais.

Andrea disse...

Que linda Talma !!! amei seu blog !! muito bacana ;;;
to sem plavras ...
beijão pra vc

Santinha disse...

Talma tava olhando com mais calma essas fotos...a mari é muito linda e tem cara de sapeca heim:...manda uma foto do lucas pra eu conhecer...

vida disse...

Talma que historia linda da sua sua pinceza com vcs,parabens e ela é lindissima,bjssssss muita saude paz para vcs,bjssssssssss

 
Related Posts with Thumbnails